Posts com Tags estados unidos

Alimentação e fertilização “in vitro”

dieta-fertilizacaoGrãos integrais são ricos em muitos componentes, incluindo fibras, antioxidantes, vitaminas e minerais, que estão associados com a redução de doenças cardíacas, obesidade, diabete e câncer.

Recente trabalho realizado nos Estados Unidos acompanhou 273 mulheres durante tratamentos de fertilização “in vitro” (FIV), avaliando a sua ingesta de grãos integrais. Os resultados mostraram que a média de ingesta de grãos por dia era de 34 g. Entretanto, as mulheres que comiam maior quantidade, acima de 52 g por dia, apresentavam maior espessura do endométrio e maiores taxas de implantação nos ciclos de FIV.

Esses resultados mostram a importância da dieta sobre a fertilidade e sugerem a importância de mais pesquisas nesta área.

Publicado originalmente no blog Saúde e Reprodução

Tags: , , , , , , , ,

Infertilidade e sobrepeso

2Nos Estados Unidos, mais da metade das mulheres em idade reprodutiva está acima do peso. No Brasil, os índices são similares. O sobrepeso tem sido associado a maus resultados nos tratamentos de infertilidade. Neste grupo de mulheres, tem-se visto que existe uma demora maior para engravidar e as taxas de cancelamento e falhas de gestação nos ciclos de FIV também são maiores.

Um estudo realizado nos EUA acompanhou 52 pacientes inférteis com sobrepeso ou obesidade. O objetivo era avaliar o quanto a perda de peso, com acompanhamento médico, melhorava as taxas de gestação.

Os resultados mostraram que as pacientes que perderam pelo menos 10% dos seu peso inicial tiveram taxas de gestação e de nascimento mais altas quando comparadas com as mulheres que perderam menos de 10% de seu peso inicial.

infertilidade-obesidadeEm adição à infertilidade, o sobrepeso e a obesidade também aumentam as complicações na gestação, como hipertensão, diabete e hemorragia pós-parto. O recém-nascido também pode ser afetado, pois aumentam os casos de prematuridade, de bebês grandes ao nascimento e de obesidade na infância.

Desta forma, como o peso é um dos poucos fatores relacionados à infertilidade que pode ser alterado, deve- se estimular a paciente infértil que está acima do peso a perdê-lo, pois isto melhorará os seus resultados reprodutivos e obstétricos, bem como a sua saúde como um todo.

Publicado originalmente no blog Saúde e Reprodução

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

A pílula rosa

Clínica Segir - A pílula rosaEsta semana o FDA, organismo governamental que regula os medicamentos e alimentos nos Estados Unidos, liberou para comercialização a chamada “pílula rosa”. De nome comercial Addyi, este medicamento tem como princípio ativo a flibanserina, a qual regula os diversos mecanismos químicos que afetam o desejo sexual. Sua ação se dá no sistema nervoso central, corrigindo os níveis de dopamina e norepinefrina ( responsáveis pela excitação sexual) e diminuindo os níveis de serotonina ( responsável pela inibição sexual). A flibanserina não é uma droga hormonal e não afeta o fluxo sanguíneo como os medicamentos utilizados pelos homens para tratar a disfunção eréctil. O objetivo deste medicamento é aumentar a libido feminina.

Esta medicação foi liberada pelo FDA após duas negativas anteriores e a recomendação é de que a mesma seja usada uma vez ao dia, todos os dias, para mulheres pré-menopáusicas, não devendo ser usada com álcool. Os principais efeitos colaterais são tonturas, queda de pressão arterial, sonolência e náuseas.

Continue a ler o texto…

Tags: , , , , , , , , ,

Vacinação contra o HPV

Clínica Segir - Vacinação contra o HPVAtualmente, o único método capaz de prevenir o câncer de colo uterino é a vacina contra o HPV (papiloma vírus humano), aprovada nos Estados Unidos desde 2006. Entretanto, a cobertura vacinal para o público adolescente ainda não é satisfatória. No Brasil, as razões são várias. A primeira é que a vacina não está disponível para todas as adolescentes, mas somente para meninas entre 11-13 anos. Para as demais, somente é possível a vacinação na rede privada, o que já limita em função do custo econômico.

A segunda razão é que quando falamos de HPV, necessariamente falamos de sexo, porque é desta forma que se contrai a infecção. Muitos pais ainda têm dificuldade de falar deste assunto com os filhos e muitos ainda pensam que falando de doenças sexualmente transmissíveis estarão estimulando a atividade sexual de seus filhos. Uma premissa equivocada, como mostra pesquisa realizada nos Estados Unidos, onde as taxas de gestação indesejada são as mesmas entre meninas vacinadas contra o HPV e meninas que não receberam a vacina.

Continue a ler o texto…

Tags: , , , , , , , , , , , ,

HIV e reprodução

Clínica Segir - HIV e reproduçãoA AIDS foi descrita pela primeira vez em 1981 nos Estados Unidos. Desde então, mais de 75 milhões de pessoas já contraíram o vírus e hoje existem mais de 35 milhões vivendo com HIV/AIDS. Mais de 80% destas pessoas infectadas com HIV são jovens, com idade entre 15-44 anos, e, portanto, em idade reprodutiva.

Graças aos avanços no diagnóstico e no tratamento, ser portador do vírus do HIV não é mais uma sentença de morte. Assim, estes pacientes vivem muito mais do que antes, planejam filhos e têm parceiros que muitas vezes não são HIV positivos.

Continue a ler o texto…

Tags: , , , , , , , , , , , , , ,